Trilhos de Canha

Aplicação para Navegação

Descarregue esta aplicação para navegar nos Trilhos de Canha.

Vamos entregar a todos os participantes um Guia de Percurso que contem as Normas de Conduta (com os telefones mais úteis nos Trilhos de Canha) e as Notas do Percurso que contem algumas notas importante de segurança nomeadamente todas as notas que incluem passagens ou travessia de asfalto. Estas notas estão assinaladas com a palavra “ATENÇÃO”.

PROGRAMA

Ponto de Encontro

 

O Ponto de Encontro – Bombeiros Voluntários de Canha [clik aqui]

Secretariado – 8 e as 9:25 horas

Briefing – 9:25 horas

Inicio – 9:30 horas

Almoço – 14:30 horas – Escola Básica 2.3 de Pegões  [clik aqui] 

A Vila de Canha vai se anfitriã do Passeio TT da Primavera, no dia 7 de Abril.
A Vila de Canha é a localidade mais rural, mais antiga, maior e mais a Este do Concelho do Montijo.
Os espaços das grande herdades tem excelentes caraterísticas para a prática dos desportos de natureza como o BTT, o Trail Run e outros como por exemplo o Todo Terreno Turístico.
Este evento está destinado à família e amigos. Sem grandes dificuldades este passeio pretende ser uma atividade descontraída que proporciona o verdadeiro contacto com natureza para todos.
A navegação pretende ser simples mas desafiante, ao mesmo tempo simplificada, vamos fazer uso dos sistemas novos digitais que estão disponíveis a todos, quer o gps, quer das aplicação dos smartfones que existem disponíveis.
Pretendem também estender um pequeno desafio de perícia e concentração para tornar o evento mais desafiante.
Vamos lançar também um eco-desafio para estimular a defesa do meio ambiente.
Por ultimo, um almoço tardio ao cuidado de uma prato tradicional, carne do alguidar, acompanhado dos vinhos da Adega de Pegões darão por encerrado este passeio.

Algo que sempre caracterizou os Trilhos de Canha foi um elevado grau de dificuldade associado aos vários lamaçais que abundam pela região de Canha.
Esta edição não vai defraudar as expectativas de quem  deseja uma actividade deste tipo.
No entanto, prevemos as variadas escapatórias para quem não quer um tão elevado grau de dureza.
Venha dai e garantimos um dia com muita aventura e animação.

Um passeio pelos “Trilhos de Canha” a recordar o extinto “Trilhos de Canha” mas sem o grau de dificuldade que caracterizou os “Trilhos de Canha”.

Um passeio pelos “Trilhos de Canha” a recordar o extinto “Trilhos de Canha” mas sem o grau de dificuldade que caracterizou os “Trilhos de Canha”.

Gostava de recordar os antigos Trilhos de Canha? Olhe o que encontrámos >>>

Vamos voltar a esta passagem alguns anos depois… esperamos que em Abril o terreno esteja melhor ,,, mas temos alternativa à passagem mesmo aqui ao lado !!!

Facebook
Facebook

O CAMPO AQUI TÃO PERTO – 2019

Passeio TT da Primavera

NORMAS DE CONDUTA

  1. O Passei TT “O Campo Aqui Tão Perto” é um evento de Turismo de Natureza.

  2. Os participantes devem levar em conta todas as informações e respeitar na íntegra as normas expressas neste documento.

  3. O percurso selecionado passará por Estradas Nacionais e Camarárias, além de caminhos de terra batida, particulares e públicos. Em qualquer dos casos, será da responsabilidade dos condutores o integral cumprimento das normas do código da estrada e seus regulamentos complementares e os devidos cuidados com a condução.

  4. Navegação – A navegação será através de track GPS.

  5. Os participantes são livres para tomar as suas decisões. Cabe a cada participante avaliar as reais capacidades e decidir a opção de passagem em qualquer lugar.

  6. Deve circular unicamente pelos trilhos e caminhos existentes e cumprir as Normas de Conduta e Boas Práticas de Turismo de Natureza do ICNF

  7. Deve evitar os ruídos excessivos tais como: sinais sonoros, escapes barulhentos e tocar música alto. Sempre que pare deve desligar o motor. “Actuando silenciosamente poderemos escutar a natureza”.

  8. Deve recolher todo o lixo produzido, selecioná-lo e depositar no ecoponto mais próximo.

  9. As viaturas devem estar em excelentes condições de manutenção. Devem ter os órgãos de segurança e iluminação em perfeitas condições. Não devem perder fluidos, não devem emitir fumo excessivo e nem som acima do normal.

  10. Deve deixar as porteiras ou cancelas que encontra no percurso da mesma forma como as encontrou, se estiverem fechadas, abra e volte a fechar. Normalmente a função das porteiras é encerrar os animais em pastagem.

  11. Deve ter o cuidado de ao atravessar linhas de água, o faça no local onde essa travessia seja mais curta, devagar e sem parar.

  12. Deve cuidar de não danificar propositadamente os caminhos ou trilhos. Lembre-se que os mesmos têm vários utilizadores.

  13. Quando se cruzar com pessoas, ao passar junto a localidades e habitações isoladas, deve adoptar um comportamento respeitoso, reduzir a velocidade e um fazer sinal de cumprimento.

  14. Ao passar junto a habitações, dentro das localidades ou ao cruzar-se com pessoas ou animais, deve tomar os devidos cuidados e adoptar uma conduta adequada, circulando com uma velocidade tão devagar quanto a circunstância exija, inclusive parar se tal for necessário para facilitar a circulação dos outros utilizadores dos caminhos e trilhos.

  15. Deve adoptar uma conduta de cumprimento da lei, de respeito pela propriedade e pelos demais. Quando parar ou estacionar, nos trilhos ou caminhos, faça-o tendo em conta não impedir a passagem nem prejudicar terceiros.

  16. Nas deslocações em asfalto e caminhos camarários a velocidade máxima é a que a lei determina para cada local e situação. Em caminhos rurais e trilhos, a velocidade deve ser mais moderada. Em qualquer circunstância e de acordo com o nº 1 do art.24 do Código da Estrada o condutor deve ter em conta o fazer parar o veículo no espaço livre e visível e sua frente assegurando-se no exercido da condução automóvel, de que a distância entre ele e a qualquer obstáculo visível é suficiente parar o veículo em segurança.

  17. Deve respeitar toda a sinalética que encontra e as indicações que lhe sejam dadas, quer seja por elementos da organização, proprietários ou autoridades.

  18. Deve ter sempre em conta o princípio do Eco-Turismo: “contribuir para a preservação dos ecossistemas e para o desenvolvimento sustentado das populações locais, melhorando a qualidade de vida das mesmas”.

  19. Não esqueça que há uma norma que resume todas as anteriores: Faz todo o possível para que sempre que vás ao campo, não se fique a notar que tenhas estado lá.

Telefones Úteis

  • Nos Trilhos –917576782
  • Bombeiros Voluntários de Canha – 265 897 828
  • GNR Canha – 265 249 764

Nota

  • No caso de avaria a organização compromete-se rebocar a viatura ate ao asfalto mais próximo.

  • O Campo Aqui Tão Perto é um passeio turístico que encerra um espírito de aventura com muitos aspectos de perfeita imprevisibilidade. Os eventuais imprevistos e a sua resolução, são da inteira responsabilidade dos participantes e fazem parte integrante das características do evento, não aceitando a organização a responsabilidade pela sua resolução.

APOIOS